Matriz RACI: a matriz de responsabilidades

Quando pensamos em gerenciar recursos humanos alocados em um projeto, logo nos vem a mente os papéis e as responsabilidades a serem definidos. Esse é um passo fundamental para o desenvolvimento das mais diversas  atividades planejadas para o projeto.  Assim, a matriz RACI surge como uma importante ferramenta de apoio no gerenciamento dos recursos humanos e das comunicações. RACI é o acrônimo em inglês para: Responsible, Accountable, Consulted e Informed. É utilizada para “formalizar os papéis e responsabilidades durante um projeto, programa ou mesmo qualquer mudança organizacional. Este modelo é apresentado como melhor prática (best practice) no PMBOK© e pelo ITIL© v3″ [1].

Nesta matriz são definidos os seguintes papéis:

  • Responsible – responsável pela execução da tarefa. Podem ser uma ou mais pessoas designadas a executarem a tarefa.
  • Accountable – prestador de contas. Haverá somente uma pessoa designada para esse papel.
  • Consulted – consultor da tarefa. São pessoas com maior “know how” sobre determinados assuntos, responsáveis por fornecerem informações úteis para a conclusão da tarefa. A comunicação com esse grupo será de duas vias.
  • Informed – pessoas informadas sobre o progresso e status da tarefa. A comunicação com esse grupo será de mão única.

Observe abaixo um exemplo de matriz RACI:

Figura 1 – Matriz RACI [2].

Com a adoção dessa matriz fica claro na organização quem é o responsável pelo processo e quem são os demais envolvidos.  A fim de evitar confusões, é recomendado ter apenas um papel atribuído a cada pessoa em cada atividade. Entretanto, muitas vezes o prestador de contas da atividade também pode ser o responsável pela sua execução.

Há somente uma regra para a criação da matriz RACI: cada atividade deve possuir apenas um prestador de contas. Mas, segundo [1], existem algumas boas práticas a serem seguidas:

• Tente limitar o número de pessoas executores em uma atividade para um – mais do que isso e provavelmente haverá a duplicação de trabalho. Caso tenha mais de uma pessoal executora, pense em dividir a atividade.
• No mínimo tenha uma pessoa responsável e uma pessoa executora atribuídas para cada linha da matriz.

Durante o processo de criação da matriz pode surgir a seguinte dúvida: se o Analista X faltar no dia da entrega da atividade 1, quem ira realizar atividade? Ou seja, o RACI é bonito no papel, porém na prática possui alguns gaps.

Mesmo a atividade apresentando mais de um responsável, não fica claro quem irá substituir o recurso ausente. Sendo assim, foi desenvolvido uma variante da matriz RACI que apresente o papel BACKUP, responsável por substituir algum recurso. Observe abaixo:

Figura 2 – Variação da Matriz RACI [1].

Desta maneira, todas as atividades possuem duas ou mais pessoas para executar a atividade na falta do executor oficial.

A matriz RACI, pode apresentar outras variações a depender das necessidades de controle. Segundo [3], a tabela abaixo apresenta alguns exemplos de códigos de responsabilidades que você poderá utilizar.

A Aprovação das entregas
C Criador, ou seja, o responsável pela criação da entrega. (Normalmente há somente uma pessoa responsável pela criação da entrega, entretanto poderá haver mais pessoas envolvidas. Neste caso as pessoas poderão ser representadas da seguinte forma:)C1 Responsável primárioC2 Responsável suplente
I Fornecer Informações
N

Notificar quando uma entrega for concluída

M

Gerenciar as entregas. Por exemplo: um bibliotecário, (ou a pessoa responsável pelo repositório de documentos)

“Matrizes RACI são fáceis de criar e poderosas para definir/esclarecer os papéis e responsabilidades de um projeto entre pessoas de diferentes partes da organização” [1]. Isso facilita a comunicação e o gerenciamento das expectativas dos stakeholders.

[1] KUMASAKA, Fernando. Matriz de RACI ou RACIB? Parada pro Café.  em <http://www.paradaprocafe.com.br/2010/10/28/matriz-de-raci-ou-racib/>. Acesso em 30 de Abril de 2012.

[2] ANGOTTI, Kleber. Matriz RACI. Disponível em <http://www.angotti.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=28:matriz-raci&catid=2:gp-informacoes&Itemid=2>. Acesso em 30 de Abril de 2012.

[3] Gerentes de Projetos. Matriz de responsabilidades (RACI). Disponível em <http://projetosbrasilce.blogspot.com.br/2009/11/matriz-de-responsabilidades-raci.html>. Acesso em 30 de Abril de 2012.


About these ads

Publicado em 30/04/2012, em Comunicações, Gerenciamento de Projetos, Recursos Humanos e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Este é um enfoque muito prático e funcional pois respeita os princípios do http://www.cavalomanso.wordpress.com

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 289 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: