O novo Triângulo de Talentos do PMI

O Project Management Institute (PMI®) é uma entidade sem fins lucrativos que visa disseminar pelo mundo as melhores práticas em gerenciamento de projetos e fomentar o seu desenvolvimento por meio de publicações, eventos e programas de certificações. Assim como a profissão de gerente de projetos, essa instituição está em constante evolução. Prova disso, é a recente implantação (01/12/2015) de um novo conceito em seu Sistema de Registro da Certificação Continuada (CCRS): o Triângulo de Talentos.

TrianguloDeTalentosPMI

Figura 1 – Triângulo de Talentos do PMI.

 

O Triângulo de Talentos do PMI® (figura 1) representa um conjunto de habilidades críticas que as organizações globais têm demandado nos gestores de projetos. São elas:

  • Gerenciamento Técnico de Projetos: específicos da profissão de gerente de projetos e em constante evolução;
  • Liderança: é fundamental saber liderar e inspirar pessoas; e
  • Gerenciamento Estratégico e de Negócios: gestão de projetos está intimamente conectada ao negócio da organização, e deve buscar materializar o planejamento estratégico.

Gerenciamento Técnico de Projetos

Liderança

Gerenciamento Estratégico e de Negócios

  • Técnicas de compilação de requisitos
  • Controle de projetos e programação
  • Gerenciamento de riscos
  • Gerenciamento de escopo
  • Ferramentas e técnicas ágeis
  • Cursos de manutenção da certificação
  • Negociação
  • Gerenciamento de Conflitos
  • Motivação
  • Dar/receber feedback
  • Influenciar
  • Resolução de problemas
  • Desenvolvimento de equipes
  • Inteligência emocional

 

  • Perspicácia em negócios
  • Finanças
  • Funções Operacionais – ex: Marketing, Jurídico
  • Planejamento/Alinhamento Estratégico
  • Gerenciamento de Contratos
  • Gerenciamento da Complexidade

 

Tabela 1 – Exemplos de habilidades críticas. Fonte: PMI-SP [1].

Essas habilidades, escolhidas através de uma extensa pesquisa qualitativa e quantitativa realizada com empresas de diversos setores, incorporam um impacto significativo na forma como as certificações passam a adquirir e reportar PDUs (Personal Development Units). “A maioria das pessoas pesquisadas sente que a ênfase nas habilidades demandadas/necessárias ao empregador é importante, promove a relevância da certificação e ajuda a alinhar a profissão às necessidades das organizações.” (PMI-SP, 2015).

O que mudou?

O número total de PDUs necessárias para manter cada certificação não foi alterado. Porém, os PDUs passaram a ser divididos da seguinte forma:

CCR1

Figura 2 – Requisitos de Certificação Contínua para PMP, PgMP, PfMP, PMI-PBA.

CCR2

Figura 3 – Requisitos de Certificação Contínua para PMI-ACP, PMI-RMP e PMI-SP.

Regras do Período de Transição

Buscando facilitar o processo de transição para as novas regras, é importante ressaltar que o PMI estabeleceu diferentes requisitos de renovação durante o período inicial de migração com base na data de encerramento de ciclo de certificação de cada profissional. Esses requisitos podem ser visualizados abaixo:

Início em 1º de dezembro de 2015:

Data de Vencimento da Certificação:

1º de dezembro de 2015 – 30 de novembro de 2017

1º de dezembro de 2017 em diante

Classificar PDUs de acordo com o novo formato de CCR.

Sim

Sim

Cumprir o número mínimo de PDUs na categoria Educação e em cada uma das três áreas de habilidades. Isso é necessário para renovação.

Não

Sim

Limitar os PDUs da categoria Retribuição a uma nova exigência máxima.

Não

Sim

Tabela 2 – Regras do período de transição. Fonte: PMI [2].

Resumindo, o profissional que tiver seu ciclo de 3 anos de certificação encerrando-se até 30 de novembro de 2017, não precisará cumprir as novas regras do PMI para renovação da certificação, porém deverá enviar reivindicações  de novas PDUs classificadas de acordo com o Triângulo de Talentos do PMI. Por outro lado, profissionais certificados com data final do ciclo a partir de 1º de dezembro de 2017, serão obrigados a cumprir todos os novos requisitos do CCR do PMI.

Conclusão

Os estudos do PMI apontaram a necessidade de mudança nos requisitos do seu programa de certificação contínua (CCR), conforme exposto anteriormente. A implantação dessas mudanças obriga os profissionais certificados a buscarem o desenvolvimento de competências pessoais (soft skills) para melhor interagirem com as pessoas ao seu redor, conhecimento em gestão estratégica e de negócios envolvidos nos projetos sob sua gestão. Dessa forma, o PMI contribui para fomentar o desenvolvimento de profissionais de gestão de projetos cada vez mais completos e conectados com as necessidades atuais.

Bibliografia:

[1] PMI-SP. Sistema de Registro da Certificação Continuada (CCRS). Disponível em <http://www.pmisp.org.br/80-institucional/2377-ccrs>. Acesso em 17 de agosto de 2016.

[2] PMI. Manual dos Requisitos de Certificação Continuada. Disponível em <http://brasil.pmi.org/brazil/CertificationsAndCredentials/~/media/594EFB4774FE47DAA918F72B4146FCF7.ashx>. Acesso em 17 de agosto de 2016.

Anúncios

Sobre danielettinger

Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e Pós-Graduado em Gestão de Projetos de Software pela Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe (FANESE). É certificado CAPM® pelo PMI, ITIL® v3 Foundation pelo EXIN e COBIT® 5 Foundation pela APMG. Possui experiência de 5 anos nas áreas de Análise e Desenvolvimento de Sistemas do setor público e privado. Atualmente trabalha no Banco do Estado de Sergipe (BANESE), onde já desenvolveu atividades de análise de processos e gerenciamento de projetos no Escritório de Gerenciamento de Demandas e Projetos e Grupo de Processos, pertencentes à Área de Governança de TI. Dentre elas, destacam-se a gestão do projeto de implantação do PMO de TI e suporte no gerenciamento de projetos de TI. Nos dias de hoje, atua como gerente de projetos do PMO Corporativo do BANESE. Ministra aulas de Sistema de Gerenciamento de Projetos em cursos de MBA da FANESE. Participou como voluntário em eventos do PMI ministrando curso de Gestão do Tempo em Projetos. É proprietário e articulista do site “Gestão de Projetos Ágeis” www.danielettinger.com, onde divulga trabalhos pessoais na área de Gerenciamento de Projetos e Metodologias Ágeis como artigos, vídeo-aulas, pesquisas, eventos, templates, tutoriais e dicas fomentando o interesse e o desenvolvimento dessas áreas.

Publicado em 17/08/2016, em Certificações, Gerenciamento de Projetos e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s