Publicado em Comunicações, Gerenciamento de Projetos, Recursos Humanos

Reuniões de Acompanhamento do Projeto

RAP

Provavelmente, você já deve ter se deparado com uma situação semelhante em um projeto do qual você fez parte da equipe. Esse problema pode ser evitado com a realização periódica de reuniões de acompanhamento do projeto. Tal evento é uma importante ferramenta para monitorar o progresso das tarefas, identificar potenciais problemas, propor soluções e planejar o trabalho até a próxima reunião. Preferencialmente, devem ser realizadas semanalmente, com duração aproximada de 30 minutos, e responder às seguintes questões: Continuar lendo “Reuniões de Acompanhamento do Projeto”

Publicado em Gerenciamento de Projetos, Partes Interessadas, Recursos Humanos

Pessoas: o elo entre a ideia e o sucesso

Transformar uma ideia em um projeto não é algo trivial. Exige um bom planejamento e PESSOAS que possam conduzir o plano traçado de maneira a atingir os objetivos propostos. E para tanto, um time qualificado e comprometido é fundamental. Sim, um time! Pois como diria Dom Quixote “Quando se sonha sozinho é apenas um sonho. Quando se sonha juntos é o começo da realidade.”   Continuar lendo “Pessoas: o elo entre a ideia e o sucesso”

Publicado em Comunicações, Gerenciamento de Projetos, Partes Interessadas, Recursos Humanos

Os desafios do gerenciamento de equipes virtuais

Estatisticamente falando, um dos maiores desafios enfrentados pelos gerentes de projetos é integrar equipes. Isso deve-se ao simples fato de equipes serem formadas por pessoas com diferentes personalidades, objetivos profissionais e formações culturais. Tais diferenças são, por muitas vezes, fatores geradores de conflitos que são diretamente responsáveis por desestabilizar o ambiente e destruir a harmonia entre a equipe. Mas afinal, o que é uma equipe integrada? Continuar lendo “Os desafios do gerenciamento de equipes virtuais”

Resultado da Enquete: “Na sua opinião, qual é a área de conhecimento mais importante do Gerenciamento de Projetos?”

Análise

Pelo resultado da enquete é possível observar que a maioria dos leitores desse blog que votaram (28% – 27 votos), acreditam ser o Escopo a área de conhecimento mais importante do Gerenciamento de Projetos.  Isso deve-se ao fato de que um escopo mal definido, pode por em risco todo o sucesso de um projeto. Em segundo lugar, figura a área das Comunicações como sendo a mais importante com 25 votos (26%). Não basta ter um escopo bem definido, é preciso que os stakeholders tenham uma boa comunicação durante o decorrer do projeto. Saber o que comunicar, a quem, através de que meio é fundamental para garantir que as informações sobre o projeto cheguem as interessados de maneira adequada. Isso pode ser apoiado com a definição e uso da Matriz de Comunicação. Logo em seguida, a área de Integração aparece como a mais relevante obtendo 9 votos (9%) . À área de integração cabe a tarefa de articular as partes interessadas para que objetivos do projeto sejam atingidos. Mais atrás e não menos importantes, aparecem empatadas as áreas de Gerenciamento de Riscos e Gerenciamento da Qualidade com 8 votos cada (8%). Gerenciar os riscos do projetos, eliminando-os ou mitigando-os, é fundamental para evitar que o imponderável coloque em xeque o sucesso do projeto. Do mesmo modo, gerenciar a qualidade é garantir que o produto seja desenvolvido corretamente segundo suas especificações e dentro dos padrões exigidos pelo mercado, cada vez mais competitivo. Por fim, aparecem as áreas de Custos, Tempo e Aquisições com 6 (seis), 6 (seis) e 0 (zero) votos, respectivamente.