Arquivos do Blog

Resultado da Enquete – Qual a maior dificuldade enfrentada no exame PMP?

Análise

Todos os candidatos que passaram pela árdua rotina de estudos preparatórios par a certificação PMP® sabe como a o caminho é longo e deve ser bem planejado e executado para evitar surpresas desagradáveis durante a prova. Porém, não é apenas a fase de estudos que nos impõe desafios, como também a prova em si. Nesse sentido, o propósito dessa enquete foi analisar as dificuldades enfrentadas pelos candidatos à certificação PMP®, durante o exame realizado pelo PMI®.

Praticamente metade (46%) dos leitores que participaram da enquete, afirmaram que a complexidade das questões é o maior desafio enfrentado durante a prova. Tratam-se de questões situacionais sobre a vivência do gerente de projetos e que na maioria das vezes possui mais de uma resposta correta. É preciso estar bem preparado e concentrado para entender o que a questão pede, qual é o foco do problema. Isso ajuda a economizar o precioso tempo do exame que totalizam 4 horas. Esse foi a segunda maior dificuldade relatada com 23% dos votos acompanhada na sequência pelo tamanho das questões com 17%. Na realidade todos esses desafios estão relacionados, pois é preciso saber equacionar a relação entre a leitura e compreensão de problemas muitas vezes complexos com textos relativamente extensos e o tempo para resolução dos mesmos. Muitas questões apresentam diversas dados e informações para distrair o candidato, o qual pode se desviar do problema principal a ser resolvido. Algumas outras questões necessitam de fórmulas e cálculos que não são complexos, porém exigem memorização, concentração e raciocínio lógico.  Esse é o top 3!

Em quarto lugar com 6% dos votos aparece o conteúdo do exame como barreira enfrentada pelos candidatos. É bem verdade que o conteúdo do exame é extenso e pode ser encontrado em diversos livros de gerenciamento de projetos. O PMBOK® é o guia básico dessa área de conhecimento. Para se ter uma ideia, apenas o livro preparatório para certificação PMP® da autora Rita Mulcahy possui mais de 600 páginas com diversos exercícios e simulados. Portanto, é preciso tempo e muita disciplina para realizar uma boa preparação para o exame. Além disso, o equilíbrio emocional durante o exame é fator de destaque, pois o centro de testes, apontado por 5% dos candidatos possui dificuldades, as quais posso listar como rigorosa fiscalização realizada com o candidato na sala de prova o qual deve passar por detector de metais, revista de bolsos e assinatura dos horários de saída e retorno do banheiro, fiscalização a cada 10 minutos na sala do exame, câmeras de segurança espalhadas pelo local, etc. Alguns podem ter tido dificuldades para chegar ao centro de testes, o que não foi meu caso. Por isso, recomendo que program-se para chegar com 30 minutos de antecedência da hora do exame.

Por fim, a quantidade de questões do exame (200) perfizeram uma fatia de apenas 3% dos participantes da enquete que acreditam ser essa a maior dificuldade. Ninguém apontou o software do exame como barreira para aprovação no exame, dando a entender que trata-se de uma ferramenta de boa usabilidade, possuindo orientações iniciais ao candidato, tempo do exame em tela, marcação de questões para revisão, além de tradução para o português. Dessa forma, ponto para o PMI®!  Bons estudos e bom desempenho na prova!

Anúncios

PMI-SE | 1º Pedala GP do PMI-SE dia 04 de Dezembro de 2016

pedala-pmi-se

1º Pedala GP do PMI-SE dia 04 de Dezembro de 2016. O ponto de encontro será no Mirante da 13 de Julho às 07:30h. Essa é mais uma ação do programa #GPemEquilibrio.

Inscrições gratuitas: https://goo.gl/tDe1hL

 

1º Encontro de Engenharia e Arquitetura com Projetos do PMI-SE

inc_thumb3

1º Encontro de Engenharia e Arquitetura com Projetos do PMI Sergipe. Esse evento será no dia 19 de Novembro de 2016, às 08:00h no JFC Trade Center, em Aracaju-SE.

Palestrantes nacionais, com temas de palestras e cases de sucesso sensacionais. Aproveita a oportunidade e participe desse evento que espetacular.

INSCRIÇÃO CLICK AQUI

Resultado da Enquete – Qual é o principal obstáculo na produtividade das organizações?

Resultado - Qual é o principal obstáculo na produtividade das organizações

Análise

Nossos leitores foram questionados sobre qual seria, na visão deles, o principal obstáculo na produtividade das organizações nos dias atuais. A inexistência de um planejamento estratégico foi a opção preferida dos participantes da enquete com 53% dos votos. O blog COBLUE OKR aponta 15 problemas que as empresas brasileiras sofrem por não possuírem um planejamento estratégico, a saber:

  1. Falta de Competitividade;
  2. A disputa com o concorrente é baseada em preços baixos, descontos e promoções;
  3. Baixa margem de lucro;
  4. Não sabem como inovar no mercado em que atuam;
  5. Não conseguem prever as ações dos concorrentes ou do mercado;
  6. Possuem problemas financeiros;
  7. Necessitam de empréstimos bancários com altas taxas de juros;
  8. Custos mais altos que o necessário;
  9. São mais sensíveis a crises econômicas e políticas;
  10. Não possuem um posicionamento claro e não fidelizam os clientes;
  11. Não conseguem crescer;
  12. Não adquirem escalabilidade;
  13. Quebram sem saber o real motivo;
  14. Só percebem problemas quando já é tarde para resolver;
  15. Não possui foco no desenvolvimento, ficando presos em problemas pequenos do dia a dia da empresa.

Conseguiu perceber a importância de qualquer organização possui um planejamento estratégico adequado que busque tornar a empresa mais forte e competitiva no mercado? Em segundo lugar, aparece com 21% dos votos a falta de gerenciamento de projetos como fator fundamental na produtividade das organizações. Qualquer planejamento estratégico necessita da realização de projetos que o materializem. Sendo assim, os projetos são fundamentais para alcançar as metas traçadas no plano e atingir os objetivos da organização. Dificuldades na gestão pessoal de tempo (11%), distrações no ambiente de trabalho (10%) e assédio moral (5%) também foram lembrados como fatores que reduzem a produtividade nas organizações.

4º Congresso Sergipano de Gerenciamento de Projetos

inc_thumb3

Sobre o Congresso

No quinto ano de sua fundação, o PMI SERGIPE CHAPTER organiza o 4º CSGP. Neste ano o Congresso Sergipano Gerenciamento de Projetos traz palestrantes de renome internacional, buscando assim o melhor para você! A realização do 4º CSGP tem como maior objetivo, proporcionar à comunidade novas maneiras de vencer o desafio de entregar projetos e agregar valor aos negócios.

O evento acontecerá nos dias 19 e 20 de Agosto de 2016 na UNIT (Universidade Tiradentes), no campus Farolândia. Contamos com a sua presença!

Inscrições

Aproveite os lotes promocionais para fazer a sua inscrição com desconto. Qualquer dúvida basta entrar em contato com a Diretoria de Eventos. Aproveite o desconto de associados e conveniados. Não perca a oportunidade de participar deste evento. Associe-se ao PMI e obtenha diversos benefícios.

* 1º Lote até o dia 30 de Junho de 2016

Palestrantes Confirmados

Ricardo-TrianaRicardo Triana

Tema da palestra: Alinhamento Estratégico de Projetos na Prática.

Linkedin

Acilio-MarinelloAcilio Marinello

Tema da palestra: Projetos sociais e sustentáveis – casos de sucesso ao redor do mundo e fontes de financiamento.

Linkedin

Farhad-AbdollahyanFarhad Abdollahyan

Tema da palestra em breve

Linkedin

Hellen-AlmeidaHellen Almeida

Tema da palestra em breve

Linkedin

AAEAAQAAAAAAAAarAAAAJDU2MjMxN2M3LTQzYjgtNGQ0Yy04MzNiLTI2MWYyOTEyYzcwZAThiago Ayres

Tema da palestra em breve

Linkedin

Marco-EnesMarco Enes

Tema da palestra em breve

Linkedin

Victor-MassariVictor Massari

Workshop: Agile Lego Challenge.

Linkedin

Sobre o PMI-SE

O PMI Sergipe Chapter é uma representação local da organização mundial líder em Gerenciamento de Projetos PMI (Project Management Institute) . Servindo como interlocutor dos padrões que descrevem as melhores práticas, certificações que atestam conhecimento e experiência, e recursos para o desenvolvimento profissional, oportunizando uma rede de relacionamento com a comunidade de Gerenciamento de Projetos.

O PMI (Project Management Institute) é principal e mais conhecida organização de gerenciamento de projetos do mundo e que conta com mais de 650.000 associados – em mais de 160 países. Todos os principais setores estão representados, inclusive tecnologia da informação, defesa e aeroespacial, serviços financeiros, telecomunicações, engenharia e construção, agências governamentais, seguro, saúde e muitos outros.

Missão

Avançar na prática e na profissão de gerenciamento de projetos em Sergipe, de uma maneira consciente e proativa, para que as organizações locais apoiem, valorizem e utilizem o gerenciamento de projetos em seus empreendimentos e obtenham o sucesso almejado.

Se tornar nos próximos 2 anos um Centro de Excelência em Gerenciamento de Projetos de Sergipe, sendo uma referência na disseminação das práticas para a comunidade.

Visão

Se tornar nos próximos 2 anos um Centro de Excelência em Gerenciamento de Projetos de Sergipe, sendo uma referência na disseminação das práticas para a comunidade.

Valores

Entrega de Valor; Transparência; Qualidade; Valorização do trabalho voluntário.

Equipe Organizadora

O PMI-SE é dirigido por voluntários que ajudam a executar as ações definidas no planejamento estratégico. Este evento é uma das principais ações do Capítulo e foi promovida pelos diretores, sombras e outros voluntários.

Local

UNIT – Universidade Tiradentes, campus Farolândia, bloco G – auditório 1 Avenida Murilo Dantas, 300 – Farolândia, Aracaju – SE, 49032-490

Maiores Informações

Presidência | presi@pmise.org.br

Diretoria de Eventos | eventos@pmise.org.br

Diretoria de Comunicação | comunicacao@pmise.org.br

https://www.facebook.com/PMISergipe/

http://pmise.org.br/

Resultado da Enquete – Qual é a principal causa de conflitos em projetos?

Resultado - Qual é a principal causa de conflitos em projetos

Análise

Questionamos aos nossos leitores qual seria a principal causa geradora de conflitos em projetos e obtivemos os seguintes resultados. Apontado como o fator preponderante para geração de conflitos está a mudança de escopo, a qual obteve 33% dos votos. Quando se muda escopo, há um impacto direto em prazos e custos e, consequentemente, na satisfação do cliente e patrocinador o que pode gerar um desgaste de relacionamento com a equipe do projeto. Em segundo lugar, figura a expectativa das partes interessadas com 17% dos votos. Alinhar desde o início com os stakeholders qual é o objetivo do projeto e quais serão as entregas que a serem realizadas durante sua execução é atividade fundamental para evitar possíveis conflitos de interesses. Já os prazos estabelecidos são vistos como a terceira maior causa de conflitos. Observe como esses fatores estão intimamente ligados, pois a mudança de escopo provavelmente irá afetar os prazos estabelecidos e, consequentemente, a expectativa das partes interessadas previamente alinhadas.

Por fim, os demais fatos citados como fontes geradoras de conflitos foram definição das prioridades (15%), custos (8%), alocação de recursos (6%) e outra (5%). Dentre as outras causas, a comunicação foi a mais citada, pois muitas vezes os ruídos nos meios levam diversos projetos ao fracasso ou perdas significativas de recursos e tempo.

Kanban: o que é e para que serve?

ettinger-kanban-projectlab-pp

Proveniente do vocabulário japonês, “Kanban” significa registro ou rosto visível. Isso justifica o fato dessa palavra ter sido utilizada para representar uma ferramenta visual e colaborativa bastante útil para empresas que pretendem melhorar a sua performance. Apesar de ter nascido com o objetivo de aprimorar uma linha de produção de fábrica, Kanban também pode ser utilizado como gerenciador de tarefas e essa é uma das suas principais funções nos dias atuais.

Criado e inicialmente utilizado pela Toyota em sua linha de montagem, o Kanban baseia-se em um quadro seccionado em colunas verticais onde são afixados post-its coloridos, o modelo permite a organização de atividades de uma ou mais equipes. As colunas representam o estado de cada tarefa por onde os post-its vão transitar e podem ser nomeadas como “início”, “em andamento” e “finalizado”. Dessa forma, o modelo pode ser adaptado e aplicado em diversas áreas de conhecimento como desenvolvimento de software, construção civil, indústria farmacêutica, etc.

Devido à sua simplicidade e objetividade, o Kanban pode funcionar como um modelo de prática ágil. Porém, ao contrário do Scrum, o Kanban tem como prática limitar a quantidade de tarefas em cada coluna. Isso contribui para o fortalecimento do time, pois quando o limite de uma coluna tiver sido alcançado, será necessário que todos os membros paralisem as demais atividades e auxiliem em conjunto na conclusão das tarefas não iniciadas ou finalizadas. Essas atividades podem ser executadas a partir de prioridades definidas por uma numeração ou cor do post-its.

Deseja conhecer mais a fundo essa ótima ferramenta e os princípios ágeis que irão ajudar a tornar o trabalho em sua empresa mais rápido e eficaz? Então não perca tempo e inscreva-se no curso Fundamentos em Métodos Ágeis da Projectlab. Aprenda novas técnicas e abordagens em um ambiente lúdico que estimula a absorção do conhecimento.

Este post trata-se de um publieditorial.

Revista MundoPM ed. 64

revista_ed64

A edição de nº 64 da Mundo Project Management, maior revista de gerenciamento de projetos do Brasil, traz um artigo bastante interessante, o qual apresenta a criação de um método capaz de elaborar o planejamento estratégico empresarial numa única página. Idealizado e concebido por Luciano Passos, Presidente do PMI Sergipe e Superintendente de Gestão Estratégica no Banco do Estado de Sergipe, o Strategy Model Canvas tem como objetivo ser uma metodologia simples e ágil, utilizada para concepção de um plano visual e colaborativo que contenha elementos essenciais para determinar a estratégia da organização para um determinado ciclo. Além disso, proporciona uma visão 360º do ambiente em que a empresa está inserida.

No decorrer do artigo, Luciano Passos descreve os conceitos e princípios que regem o método, como também demonstra sua aplicabilidade através de um exemplo de definição da estratégia de que mudaria a trajetória do maior Circo Artístico do Mundo, o Cirque Du Soleil. Vale a pena conferir! Maiores detalhes sobre o Strategy Model Canvas podem ser encontrados no site oficial strategymodelcanvas.com.br. O lançamento do livro sobre a nova metodologia está previsto para o próximo ano.

SMC

Pesquisa

Pesquisa Internacional sobre Gestão de Projetos

Somos do grupo Project Management Development (PMD) da Universidade Federal de Pernambuco e estamos realizando um plano de pesquisa internacional relacionado à Gestão de Projetos.

O propósito da pesquisa é explorar a visão de sucesso por diferentes stakeholders (partes interessadas), utilizando determinados critérios de avaliação no processo de gerenciamento de um dado projeto. Através da compreensão e da interpretação de divergentes concepções sobre tais critérios, acredita-se, em última análise, que essa pesquisa contribuirá com novas perspectivas sobre como administrar as expectativas das partes interessadas de um projeto em variados contextos.

Estamos principalmente interessados em aprender sobre suas percepções de projetos, e como certas práticas organizacionais são percebidas por você e por outros participantes da pesquisa. Portanto, para um bom desempenho e qualidade adequada, convidamos todas as instituições e profissionais da área que tenham interesse em contribuir com o desenvolvimento da pesquisa a responder o questionário que está disponível no link abaixo:

Link do questionário – Instituições privadas:  https://pt.surveymonkey.com/s/MTYK59V

Link do questionário – Instituições públicas: https://pt.surveymonkey.com/s/NLWCBGM

Link do questionário – Projetos Sociais: https://pt.surveymonkey.com/s/26BQF2Y

A pesquisa é aberta para empresas de qualquer segmento de mercado. O perfil dos respondentes engloba qualquer parte envolvida em um determinado projeto (gerente, diretor, membro de uma equipe de projetos, patrocinador, usuário final, dentre outros).

Vale lembrar que a pesquisa é exclusivamente para fins acadêmicos. Uma cópia dos resultados estará disponível a pedido dos respondentes, que não são identificados. Os registros serão mantidos privados e são totalmente confidenciais.

Agradecemos a colaboração de todos desde já.

Se houver qualquer dúvida ou comentário, favor contatar qualquer membro da equipe:

Maria Creuza e Maria Carolina: Universidade Federal de Pernambuco, Brasil (pesquisa3.pmd.ufpe@gmail.com)

Dr. Caroline Mota, Universidade Federal de Pernambuco, Brasil (carol3m@gmail.com).
Dr. Udi Ojiako, University of Southampton, UK (udechukwu.ojiako@soton.ac.uk )
Dr. Maxwell Chipulu, University of Southampton, UK (m.chipulu@soton.ac.uk )

2º Congresso Nacional de Gerenciamento de Projetos do PMI-SE

Face - Palestras full clean

O objetivo deste projeto é realizar o 2º Congresso Nacional de Gerenciamento de Projetos do PMI Sergipe para proporcionar uma troca de experiências e uma disseminação de conhecimento através de palestras, minicursos e apresentação de casos reais em diversas áreas de conhecimento do Gerenciamento de Projetos.

  • Até 16 PDUs

OBS: Os minicursos são vendidos separadamente. A aquisição da cota PALESTRAS dará direito a assistir todas as palestras do evento. A aquisição da cota referente ao minicurso dará direito a assistir SOMENTE o minicurso adquirido. VAGAS LIMITADAS.

Inscreva-se aqui! 

Investimento:
Minicursos
 Minicurso – PM4Plane – Scrum + PMBOK no Gerenciamento de Projetos – Fábio Cruz:

Será apresentada uma proposta inédita de união entre o ágil e o Guia PMBOK 5a edição, visando demonstrar como ter times altamente ágeis sem abandonar o PMBOK e ao mesmo tempo como manter o controle eficiente sem perder a agilidade. Esta abordagem é apoiada em um caso real de aplicação em um grande projeto global.

Minicurso – Gerenciamento de Tempo em Projetos com MS Project 2013 (PMBOK 5ªed.) – Daniel Ettinger:

Conteúdo Programático:

– Gerenciamento do Tempo em Projetos com o PMBOK (5ª Ed.)
– Dicas para um bom Cronograma

PLANEJAMENTO
– Calendários
– Atividades
– Determinando o Caminho Crítico

CONTROLE
– Linhas de Base
– Acompanhando o progresso das tarefas
– Linhas de Andamento
– Movendo o Projeto para uma nova data.

AGENDA DO EVENTO:

%d blogueiros gostam disto: