Arquivos do Blog

2º Congresso Nacional de Gerenciamento de Projetos do PMI-SE

Face - Palestras full clean

O objetivo deste projeto é realizar o 2º Congresso Nacional de Gerenciamento de Projetos do PMI Sergipe para proporcionar uma troca de experiências e uma disseminação de conhecimento através de palestras, minicursos e apresentação de casos reais em diversas áreas de conhecimento do Gerenciamento de Projetos.

  • Até 16 PDUs

OBS: Os minicursos são vendidos separadamente. A aquisição da cota PALESTRAS dará direito a assistir todas as palestras do evento. A aquisição da cota referente ao minicurso dará direito a assistir SOMENTE o minicurso adquirido. VAGAS LIMITADAS.

Inscreva-se aqui! 

Investimento:
Minicursos
 Minicurso – PM4Plane – Scrum + PMBOK no Gerenciamento de Projetos – Fábio Cruz:

Será apresentada uma proposta inédita de união entre o ágil e o Guia PMBOK 5a edição, visando demonstrar como ter times altamente ágeis sem abandonar o PMBOK e ao mesmo tempo como manter o controle eficiente sem perder a agilidade. Esta abordagem é apoiada em um caso real de aplicação em um grande projeto global.

Minicurso – Gerenciamento de Tempo em Projetos com MS Project 2013 (PMBOK 5ªed.) – Daniel Ettinger:

Conteúdo Programático:

– Gerenciamento do Tempo em Projetos com o PMBOK (5ª Ed.)
– Dicas para um bom Cronograma

PLANEJAMENTO
– Calendários
– Atividades
– Determinando o Caminho Crítico

CONTROLE
– Linhas de Base
– Acompanhando o progresso das tarefas
– Linhas de Andamento
– Movendo o Projeto para uma nova data.

AGENDA DO EVENTO:

Anúncios

4º Jantar Palestra do PMI® Sergipe

 

Inscrições aqui!

Obs.: O participante que não receber o email de confirmação deverá levar o o comprovante de pagamento no dia da evento

Mini-currículo

Juliano Reis, Representante Latino Americano do PMI®

Juliano Reis é Representante Latino Americano do PMI® – Project Management Institute Inc.(PMI®) para o Brasil. Neste cargo, Juliano tem como principal responsabilidade suportar a Comunidade Brasileira de Gerenciamento de Projeto.Apaixonado por assuntos relacionados ao Gerenciamento de Projetos, Juliano atuou de 2003 a 2009 como voluntário no PMI Rio Grande do Sul (2006 a 2009 na Direção do Capítulo), bem como membro da equipe de revisão do PMI OPM3. Fez parte do grupo de trabalho da 2ª Edição do Padrão de Gerenciamento de Programas do PMI, além de submeter artigos para Congressos Globais do PMI.Juliano é familiarizado com a Comunidade do PMI no Brasil e é Gerente de Projetos profissional.  Nos últimos anos ele tem dedicado parte do seu tempo ensinando Gerenciamento de Projetos em Universidades como PUC-RS, UNISINOS, FGV e SENAC, e na comunidade local.Juliano possui formação como Bacharel em Ciência da Computação pela PUC-RS e MBA em Gerenciamento de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), além das certificações PMP, ITILF e Scrum Master. Durante 5 anos atuou como Gerente de Projetos da Dell Inc., onde foi responsável por gerenciar projetos de desenvolvimento de software com times distribuídos no Brasil, EUA, Europa, Índia e Ásia- Pacífico.

Luciano Passos, Presidente do PMI® Sergipe 

Graduado em Ciência da Computação, Pós-graduado em Administração de Sistemas de Informação e MBA em Gerência de Projetos. Certificado PMP, ITIL v3, COBIT 4.1 e MCTS MS-Project 2010. Ministra diversos cursos na área de análise de sistemas, gestão de projetos, modelagem de processos e governança de TI. Atuou como gerente de projetos, analista de sistemas e programador no Estado da Bahia, exerceu dentre outras atividades a função de Coordenador da Fábrica de Software e Grupo de processos do BANESE (Banco do Estado de Sergipe) durante 4 anos e meio. Trabalhou como Consultor na Implantação do Escritório de Projetos de Engenharia da UN-SEAL na Petrobras durante 2 anos e meio. Atuou como Coordenador de Projetos no BANESE durante 2 anos. Ministrou aulas de Engenharia de Software, Gerência de Projetos e Modelagem de Processos durante 5 anos e meio em cursos de graduação da FANESE (Faculdade de Negócios de Sergipe). Exerceu a função de Diretor de Eventos do PMI-SE durante 1 ano. Atualmente atua como Gerente da Área de Projetos do BANESE, como Professor e Coordenador de cursos de Pós-graduação da FANESE, Diretor Educacional da ADAPTATIVA e trabalha voluntariamente como Presidente do PMI-SE.

Patrocínio

 

Resultado da Enquete – Qual é a melhor ferramenta para criar a EAP do projeto?

Resultado - Qual é a melhor ferramenta para criar a EAP do Projeto

Análise

A pesquisa em questão foi criada com o objetivo de levantar qual é a ferramenta preferida dentre os gerentes de projetos para a construção da Estrutura Analítica do Projeto. Após o fechamento da enquete, foi possível constatar que a WBS Chart Pro, ferramenta utilizada exclusivamente para a criação da EAP, figura como a preferida pelos usuários com um percentual de 70%, totalizando 82 votos. Sua licença individual custa $199. Em segundo lugar, aparece a XMind com 12 votos e um total de 10%. Ela possui uma versão gratuita, porém com menos recursos. A versão mais completa está disponível por $99. Outras ferramentas que não foram listadas tiveram um total de 9 votos, representando 8% do total. Logo em seguida se destaca, dentre as favoritas dos usuários, a ferramenta de código aberto OpenProj. Ela representa 7 votos, totalizando 6% da preferência. Em seguida, aparece a WBS Tool (software web gratuito e exclusivo para criação da EAP) com 5 votos (4%). Por fim e em último lugar, figura a MindView – uma ferramenta profissional para construção de mapas mentais, estruturas analíticas, dentre outros. Com preço inicial a partir de $249, ela obteve um total de 2 votos (2%). 

Este slideshow necessita de JavaScript.

1º Congresso Nacional de Gerenciamento de Projetos do PMI-SE

customLogo

Nos dias 25 e 26 de outubro de 2013, aconteceu em Aracaju, no hotel Riverside, o 1º Congresso Nacional de Gerenciamento de Projetos do PMI-SE. O evento contou com diverso workshops, minicursos e palestras ministrados por diversos profissionais de renome nacional na área de Gerenciamento de Projetos, dentre eles: Rivaldo Boto e Andriele Ribeiro. A temática “Ferramentas de Gerenciamento de portfólios, programas e projetos” abordou o uso de novas e modernas tecnologias em prol do gerenciamento de múltiplos projetos. Houve ainda a venda de livros com descontos exclusivos, premiação do voluntário do ano e sorteio de diversos brindes fornecidos pelos patrocinadores do evento. A programação completa pode ser vista logo abaixo:

programação

Fotos do Evento

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pesquisa sobre o perfil dos visitantes do Blog Gestão de Projetos Ágeis

Pesquisa sobre o perfil dos visitantes do Blog Gestão de Projetos Ágeis

pesquisaEssa pesquisa tem por objetivo mapear o perfil dos visitantes do Blog Gestão de Projetos Ágeis, possibilitando assim, fornecer produtos e serviços cada vez mais adequados aos interesses dos nossos leitores.

Formulário da pesquisa: http://bit.ly/UHcvwn

Duração Aproximada = 3 minutos!

Resultado da Enquete – Na sua opinião, qual é a área de conhecimento mais importante do Gerenciamento de Projetos?

Análise

Pelo resultado da enquete é possível observar que a maioria dos leitores desse blog que votaram (28% – 27 votos), acreditam ser o Escopo a área de conhecimento mais importante do Gerenciamento de Projetos.  Isso deve-se ao fato de que um escopo mal definido, pode por em risco todo o sucesso de um projeto. Em segundo lugar, figura a área das Comunicações como sendo a mais importante com 25 votos (26%). Não basta ter um escopo bem definido, é preciso que os stakeholders tenham uma boa comunicação durante o decorrer do projeto. Saber o que comunicar, a quem, através de que meio é fundamental para garantir que as informações sobre o projeto cheguem as interessados de maneira adequada. Isso pode ser apoiado com a definição e uso da Matriz de Comunicação. Logo em seguida, a área de Integração aparece como a mais relevante obtendo 9 votos (9%) . À área de integração cabe a tarefa de articular as partes interessadas para que objetivos do projeto sejam atingidos. Mais atrás e não menos importantes, aparecem empatadas as áreas de Gerenciamento de Riscos e Gerenciamento da Qualidade com 8 votos cada (8%). Gerenciar os riscos do projetos, eliminando-os ou mitigando-os, é fundamental para evitar que o imponderável coloque em xeque o sucesso do projeto. Do mesmo modo, gerenciar a qualidade é garantir que o produto seja desenvolvido corretamente segundo suas especificações e dentro dos padrões exigidos pelo mercado, cada vez mais competitivo. Por fim, aparecem as áreas de Custos, Tempo e Aquisições com 6 (seis), 6 (seis) e 0 (zero) votos, respectivamente.

Certificado ITIL® V3 Foundation

Certificado ITIL® V3 Foundation

Caros leitores do blog, após um mês de estudos agendei a prova via Prometric e realizei o exame nessa segunda-feira, 19/04/2012. Fui aprovado com score de 90%.  Aos que desejam obter essa certificação recomendo o curso ofertado pela TIEXAMES.

Liderança é o tema do 10o. encontro do GE2PS – AGILIZE-SE! PARTICIPE!

Resultado da Enquete: “O que é mais importante para o sucesso dos projetos?”

Agile Tour 2011 – Aracaju

%d blogueiros gostam disto: